CAMINHAR NA DÚVIDA sobre seguir em frente mesmo sem clareza

por Paula Quintão

Ela me escreveu porque sofria em seu mar de dúvidas. “Como caminho para algum lugar se nem sei para onde quero ir, Paula Quintão? Como caminho em meio a tanto dúvida se tudo o que vejo são pessoas que têm tantas certezas?”.

E meu coração se conectou a ela. Porque é tão ilusório pensar que o outro está vivendo lá em suas certezas. Estamos todos em processo. E o seu processo de dúvida é o meu processo de dúvida.  É também o processo de todos nós humanos. Somos todos assim, uma confusão por dentro buscando luzes que nos ancorem em um encontro com nós mesmos. Vez ou outra a confusão se alinha, vem um lampejo de clareza e sentimos “agora sim”. E o vento vem de novo e bagunça os cabelos, muda os cenários, refaz as paisagens.

Passamos a vida lapidando a descoberta do que somos e para que viemos. E esse é um processo que dói se não aceitamos que é assim mesmo. Temos dúvidas, e que mal há nisso. A dúvida nada mais é que uma pergunta.

Tenho dúvidas eu, Paula. Tem dúvidas todas essas pessoas que você tanto admira e acredita que estão com as perguntas todas respondias. Quem olha de fora pensa que está tudo resolvido dentro. Mas não está. Porque essa é a jornada de todos nós. Todo mundo tem dúvida. A pergunta faz parte da essência humana.

E a gente avança mesmo com dúvida, essa é a grande questão. Caminhando em frente a clareza vai chegando. É no passo a passo, no seguir em frente, mesmo que andando em círculos ainda assim avançamos algo, é que vamos aos poucos eliminar as dúvidas e encontrar mais certezas. Mas para encontrar as certezas, que nada mais são do que dissolução da dúvida, precisamos caminhar no escuro.

E de tanto caminhar no escuro, começamos a enxergar a luz que os olhos podem ver dentro da própria escuridão. A vida acontece no escuro, tal como um bebê se formando na barriga de sua mãe. Em frente.

Paula Quintão.

28 de agosto de 2018. kin 202

 

E aqui te dedico uma canção. Ouça com o coração.

Autor

Paula Quintão segue a desvendar os mundos internos e externos. É escritora & mentora de escritores, transição de vida e negócios digitais. Doutora em Sustentabilidade, montanhista, paraquedista e mergulhadora. Mãe da Clara. Criadora da Escola de Rumos, do Portal Coragem Para Empreender e da Editora Suban a Los Techos, autora do livro Para Sempre Um Novo EU (2012) e O Caminho Que As Estrelas Me Viram Cruzar (2017). Escreve semanalmente dentro das temáticas autoconhecimento, escrita, transformação de vida e empreendedorismo em paulaquintao.com.br